• André Boaratti

06 dicas para finalizar o seu TCC

Seja monografia, artigo, dissertação, tese... independente do grau da sua pós-graduação e do seu TCC, uma das maiores dificuldades que nós temos é em relação a finalização das nossas pesquisas. Se você está nesta fase crucial do seu trabalho, veja as dicas que elaborei nesse artigo, pois eu tenha certeza que a partir delas você vai se sentir mais seguro para terminar essa jornada!




1- Estruture o capítulo final


Não há outra dica melhor para iniciar esse artigo, pois, como sempre digo, com planejamento, conseguimos chegar em qualquer lugar, alcançamos resultados muito melhores! Não faça nenhuma parte do seu trabalho de forma improvisada, planeje as suas ações, as etapas do trabalho todo, de cada capítulo e, principalmente, do capítulo final!



2- Retome a problemática


Inicie as considerações finais resgatando a questão problema norteadora da sua pesquisa. Você não pode, em hipótese alguma, deixar de trabalha-la na parte final do seu trabalho. Nas considerações finais é o local voltado para você tentar responder questão problema, portanto, ela é o eixo estruturante, tanto do trabalho todo, quanto, principalmente, da parte final.



3- Retome a hipótese


Para toda questão problema elaborada, há uma hipótese, certo? A função das considerações finais do trabalho é justamente essa: verificar a validade da hipótese, ou seja, se esta responde ou não a questão problema, de acordo com a pesquisa feita. Lembre-se: a hipótese pode ser comprovada ou não! Muita gente pensa que a hipótese, obrigatoriamente, deve responder a questão problema, e não é nada disso! A hipótese é uma POSSÍVEL resposta à problemática. Ela pode servir para responder a questão ou não. Se não responder, isso quer dizer que o trabalho deixou lacunas que poderão ser tratadas numa pesquisa posterior... num mestrado, doutorado! Pense nisso!



4- Seja sucinto


Não seja rebuscado na forma como você vai produzir o texto das suas considerações finais. Seja direto! Não floreie, aliás, em nenhuma parte do trabalho, mas principalmente no último capitulo. Lembre-se que o seu leitor leu o seu trabalho todo, logo, é como se ele quisesse assistir o final do filme logo, ou seja, como você vai resolver aquilo. Não quebre a expectativa do seu leitor com colocações para “encher linguiça”. Se você fez um bom desenvolvimento, uma boa pesquisa, a consequência disso é um bom fechamento!



5- Evite citações


É bom evitar citações nas considerações finais, pois, é justamente nessa parte do trabalho que você vai “aparecer”! São as suas conclusões, não a de outros autores! Para você chegar até a parte final, sim, você fez uso de outras ideias e contribuições, mas agora é com você, não se esqueça disso!



6- Deixe lacunas


Sim, eu sei, parece estranho essa dica, mas você deve entender que a ciência não trabalha com verdades absolutas, toda conclusão é passível de revisão, de outro ponto de vista. Então, seja humilde e deixe claro que a forma como você trabalhou a temática da sua pesquisa foi sob um ponto de vista, há vários outros. Isso é enriquecedor para o crescimento da ciência e do conhecimento de uma forma geral. E sem falar que o fato de você não responder totalmente a questão problema, como eu disse antes, deixa lacunas para outras possibilidades de estudo e aprofundamento a partir de uma pesquisa maior e mais aprofundada, como no caso de uma dissertação de mestrado, por exemplo! Essa postura valoriza o seu trabalho e permite que você possa dar continuidade à sua pesquisa.


Gostou dessas dicas? Achou que elas ou alguma pelo menos, possa ter te ajudado? Então escreva para mim, me enviando e-mail ou me procure nas redes sociais:


professorboaratti@gmail.com


@andre.boaratti

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now